Política e um Update.

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

 Hoje refleti muito sobre política e sobre o que esta faz à nossa sociedade. Comecei por me perguntar se a política não estaria a destruir o conceito de sociedade: viver em paz e além de ser auto-suficiente ajudar o próximo. Agora vemos as pessoas à nossa volta revoltadas com o seu dia-a-dia e com o dinheiro que lhes tiraram e com o que Fulano, Beltrano e Cretino disse num debate... Além disso, sinto que a política, sim, livrou-nos da monarquia asfixiante, mas não trouxe nada de novo, temos liberdade (urra!), podemos opinar (fixe!), mas de que serve mesmo isto, se não temos capacidades monetárias para levar os nossos sonhos para a frente numa época em que quem tem quer ter mais e quem não tem não sabe como conseguir ter.
 Disse à minha mãe numa conversa que o nosso país devia ser governado por um adolescente, uma mente nova, fresca e viva, uma alma pura e ainda um pouco inocente que trouxesse, de facto, o entusiasmo que o país precisa. Muitas vezes, crianças ainda nos seus 7 anos fazem afirmações e dão soluções para o país que toda a gente considera ridículas porque ainda são bebés, mas se pensarmos que a escola abala a criatividade as afirmações que as crianças fazem podiam ser bem úteis para a situação atual!
 Não sei, sinto que precisamos de um grande shake, mas somos muito preguiçosos para mudar.

 E é aqui que entra o meu update: estava cansada de falar daquilo que me prejudicou toda a vida e não fazer nada, por isso recentemente comecei a falar mais abertamente sobre bullying e a querer partilhar a minha pequena experiência. Comecei a afirmar a minha posição e acho que vou fazer o meu trabalho de inglês sobre isso (o que será interessante visto que as pessoas que me magoaram estão agora na minha turma de novo). Mas eu estou mais forte e com mais vontade dentro de mim. Tenho que aproveitar esta força para o bem!

2 comentários:

  1. Aproveita-a toda! Sabes adorei ler "Mas eu estou mais forte" é bom reconheceres isso :D beijinho

    ResponderEliminar
  2. r: Muito Obrigada pelo teu comentário Alforreca deixou-me mesmo contente :)

    ResponderEliminar