Um filme e uma reflexão!

sábado, 6 de dezembro de 2014

 Sou rapariga de filmes de acção, preferencialmente, mas gosto muito de ver este tipo de filmes, entretém bem e fazem-nos reflectir bem como ver do que outras vidas possam ser feitas de.
 Na verdade, aquilo que se passa neste filme, retrata algo que me consome muito os pensamentos: Se eu estivesse num estado crítico, fosse ele qual fosse, escolheria eu a vida ou preferiria morrer? Em que medida é que sabemos se a nossa vida vale a pena ou se é completamente infundada? Sabem aquele desejo de desistir de tudo? Seria ele maior que a vontade desesperada de viver durante um estado de completa decadência?
 Estas são perguntas que eu faço. Assim como eu as faço, a minha mãe fazia-as de outro prisma... Se eu tivesse continuado na má vida de restringir tudo até à última migalha, será que eu teria forças para usar no caso de, perto da morte, querer viver? Como só me apercebi agora que a minha querida mãe se sentia assim? Que egoísta fui eu!

Aconselho o filme.

Sem comentários:

Enviar um comentário