«Sair».

sábado, 10 de outubro de 2015

 Estou cansada desta ideia pré-concebida que as pessoas têm de que para sair é preciso fazer alguma coisa, como beber, ou fumar, ou ter um propósito pré definido.
 A sério minha gente, não pensem assim, de todo.
 Para mim, sair significa estar sentada com os meus amigos, contar a nossa semana uns aos outros, falar sobre assuntos diferenciados e dicuti-los civilmente, ficar acordados até altas horas a fazer nada e a dizer tudo, partilhar uma refeição ou simplesmente um café.
 Isto para mim é sinónimo de uma noite cheia de qualidade... fico mesmo triste que agora os jovens precisem de mais para ter alguma diversão, mesmo que esta seja temporária e um tanto imaginária!
 Espero ansiosamente o dia em que as coisas mudam.

4 comentários:

  1. Como entendo o que escreves-te , as coisas um dia vão mudar :)

    ResponderEliminar
  2. Esperemos que mudem...
    r: Não sou viciada xD Apenas tinha aquelas citações nos rascunhos e, com falta de tempo, aquilo vai servindo para publicar xb Aliás, aquela foi a última publicação com citações do livro :b

    ResponderEliminar
  3. Ainda este sábado sai com amigas onde nenhuma de nós tocou num pingo de alcool e divertimo-nos para caraças ahah :D

    ResponderEliminar
  4. É mesmo isto porra! Eu nem gosto muito de sair assim à noite mas quando saio é para beber um chocolate quente ou então um chá ou mesmo nada e ir para um banco qualquer falar e conviver com as pessoas, dizer coisas idiotas, falar coisas a sério, sei lá!

    ResponderEliminar