Joanices da Joaninha #3

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

 Durante uma conversa com a querida Lyne, apercebi-me que nunca vos tinha contado um facto que eu considero mesmo interessante sobre mim.
 Não sei se sabem, mas estou a licenciar-me em Matemática, o que é um sonho de há já algum tempo, o que é também uma decisão que me levou alguns meses a tomar e algumas pessoas a contrariar. Sou muito feliz no meu curso, apesar deste ano ter passado por uma terrível desmotivação, que logo passou mal me apercebi que não poderia estar a fazer outra coisa. Aprecio cada aprendizagem, cada palavra, cada quadro, cada slide, cada teorema com uma expressão de admiração gigantesca. Adoro sentir que sei e responder, adoro sentir que não sei e ficar fascinada quando descubro. Sempre gostei de Matemática, passeava com a minha mãe e comentava as formas geométricas e estimava tudo e mais alguma coisa, raciocinava rapidamente, adorava ir às compras por causa da parte de receber o troco e verificar instantaneamente se estava certinho. Tive professores que me impressionaram e fizeram querer saber mais, por isso, aqui estou eu.
Sim, eu uso cadernos de linhas!
 Contudo, quando era mais pequena, talvez entre os 8 e os 15, sonhava ser Arquitecta. É verdade, tinha esta ideia de que ia para um curso de Arquitectura e eventualmente ia ser conhecida como a Joana das casas lindas, dos prédios originais, dos jardins organizados e de tirar o fôlego.
 Andava sempre com folhas atrás e um conjunto de lápis que me permitissem desenhar a minha imaginação, literalmente. Cheguei a conceber um prédio que tinha forma de chávena e cujos apartamentos eram mirabolantes. Tinha ideias para tornar as casas ainda mais funcionais e ao mesmo tempo esteticamente bonitas. Adorava olhar para plantas de parques da cidade e dizer que algo ficava bem num certo sítio e a outra coisa devia mudar.
 Aliás, a nossa casa está inundada de livros e revistas só e apenas sobre Arquitectura, por tudo quanto é canto há um, todos diferentes e todos muitíssimo interessantes. Acarinhamos bastante estas preciosidades.
 A minha mãe sempre apoiou essa minha ideia, porém, quis o destino que eu conhecesse pessoas que serão muito melhores que eu neste ramo e me iluminassem um pouco o espírito, fazendo-me refletir que o meu lugar ainda não era bem esse.
 Já viram? Podiam, neste momento, estar a ler uma futura Arquitecta....... mas estão apenas a ler um futura Matemática! (Só espero vir a ser uma das boas *sorrisos*)

8 comentários:

  1. Eheh Joana a Matemática, Lyne a Arquiteta! Daríamos uma ótima dupla, acredita! :P

    A Vida de Lyne

    ResponderEliminar
  2. Desde que faças aquilo que gostas... é o que interessa :D
    Gostaria de te desejar um Feliz Natal repleto de coisas boas... aproveita ao máximo!
    Beijinhos,
    O meu reino da noite ~ facebook ~ bloglovin'

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada querida. Para ti também 🎄😙

      Eliminar
  3. Vais ser Ju!!
    Por acaso também te imaginava como arquiteta ahah
    (E antes de ler a legenda da foto pensei "que giro, é pautado" e li a tua descrição!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sério que imaginavas???
      (Ahah as pessoas dizem-me sempre isso! Ja sou assim desde o 9° ano!)

      Eliminar
  4. O mais importante é seguires aquilo que realmente gostas, pela forma como descrever o curso a mim parece-me que está muito bem onde estás. O importante é gostares e seres feliz onde estás!

    ResponderEliminar
  5. r: Muito obrigada pelas palavras querida, vou fazer por isso! Beijinho grande :)

    ResponderEliminar